“Plano B” em sessão especial na UnB

Padrão
Sessão com debate na UnB, dia 30/04

Sessão com debate na UnB, dia 30/04

Temos o prazer de convidá-los para uma sessão especial do documentário PLANO B, no dia 30/04 (quarta-feira), às 8h30, no Auditório da Reitoria da UnB, com entrada franca. O filme está em circuito nacional de estreia desde o dia 22, em mais de 30 cidades e 40 sessões, de norte a sul do Brasil.

O filme procura as pistas da produção, censura e desaparecimento do curta-metragem Brasília – Contradições de uma Cidade Nova, do diretor Joaquim  Pedro de Andrade. Após sua sessão de estreia em 1967, o curta foi proibido de ser exibido pelos próprios patrocinadores, por revelar os subúrbios pobres de Brasília, em pleno furor da inauguração da nova capital modernista. Portanto, o documentário resgata um importante episódio do cinema brasileiro, com um olhar crítico sobre o passado e o presente da cidade modernista. PLANO B foi exibido no 46º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, e premiado com o troféu da Câmara Legislativa de Melhor Filme Brasiliense e de Melhor Montagem pelo júri oficial.

A capital da contradição

A capital da contradição

A sessão abre com uma projeção de Brasília: Contradições de uma Cidade Nova (20′, 1967), e em seguida, do longa PLANO B. Ao final da sessão teremos um rico debate com a presença do diretor Getsemane Silva, bem como de mais quatro professores convidados: prof. Dr. Marcos Mendes, documentarista e docente na Faculdade de Comunicação/UnB; e  prof. Carolina Pescatori, da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo/UnB; prof. Dra. Cristina Patriota de Moura, do Departamento de Antropologia/UnB e líder do grupo de pesquisa Urbanidade e estilos de vida/CNPQ; e profª. Liz Sandoval, da Universidade Paulista/UNIP e mestranda da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo/UnB, onde desenvolve sua pesquisa sobre a filmografia de Brasília.

Com esta sessão, desejamos contribuir para o surgimento de novos olhares sobre a construção e a história de Brasília, a partir da diversidade de reflexões e discussões abordadas no filme. Confirme sua presença no planob.documentario@gmail.com (espaço sujeito à lotação). Mais informações no site: https://docplanob.wordpress.com/

 

Serviço

Sessão Especial – Plano B na UnB
Debate com o diretor e professores convidados
30/04/2014 (quarta)
08h30 – 12h
Audiotório da Reitoria da UnB
Entrada franca (sujeito à lotação)
planob.documentario@gmail.com (a/c Thayse Limeira)
https://docplanob.wordpress.com/
Calendário Nacional de Sessões

Anúncios

“Plano B” em cartaz no próximo dia 22

Padrão

O documentário Plano B, uma produção da Olho de Gato Filmes e da Machado Filmes que investiga a censura ao curta Brasília – Contradições de uma Cidade Nova (1967), entra em cartaz em circuito nacional a partir do dia 22 de abril, no Distrito Federal. Já são mais de 30 sessões agendadas em todos os cantos do Brasil, desde a pequena Silveira Martins, no Rio Grande do Sul, até Rio Branco, no Acre.

Confira diretamente aqui do blogue o filme censurado e o trailer de Plano B, que sai de Brasília em busca da equipe do filme e de ex-funcionários da empresa que patrocinou e vetou a exibição do curta por cerca de quatro décadas!


Ficou curioso para saber mais sobre porquê este filme ficou por 40 anos invisível? Veja aqui o trailer de Plano B!


Confira agora mesmo o calendário de exibições e aponte na sua agenda a sessão mais próxima de você!

 

Projeção especial do longa “Plano B” para cineclubistas do DF

Padrão
Cineclubistas do DF em sessão especial com a presença do diretor de «Plano B», Getsemane Silva (à dir.)

Cineclubistas do DF em sessão especial com a presença do diretor de «Plano B», Getsemane Silva (à dir.)

Realizamos no dia 05 de abril, na Cult Vídeo, um workshop de capacitação que deu início ao circuito de exibição do documentário Plano B (80 min, DF, 2013).

Reunimos cineclubistas de todo Distrito Federal e assistimos o curta-metragem «Brasília: Contradições de uma cidade nova», documentário de 1967 dirigido por Joaquim Pedro de Andrade. O filme foi censurado por seu próprio patrocinador em sua primeira exibição pública por revelar um outro lado da história da construção de Brasília: a dos migrantes e operários que levantaram a nova capital.

Na sequência da exibição deste belo filme, importante  tanto para a história do Brasil quanto para a história do cinema brasileiro, os cineclubistas assistiram ao documentário longa-metragem Plano B, filme que investiga a censura ao curta de Joaquim Pedro de Andrade, e que fica em cartaz no circuito cineclubista nacional de 22 de abril a 05 de maio, nas cinco regiões do Brasil.

Após a sessão, que contou com a participação do diretor Getsemane Silva, os cineclubistas continuaram com um proveitoso e instigante debate que tocou em pontos diversos como planejamento urbano, exclusão social e mobilidade.

Debate com o diretor após a sessão especial na Cult Vídeo

Debate com o diretor após a sessão especial na Cult Vídeo

Agradecemos imensamente a participação dos cineclubistas: Flávia Felipe (Cine Teatro EIT), Vitor Sarno (Cine Jiló na Guela), Mana Gi (Cineclube Cafezinho), Silvia Borges (Curta na quarta), Viviane Calasans (Integra Cine), Cleiton Costa (Cineclube Cidade Livre) e Vânia Guiomar (Cine Cem 01 Paranoá).

Não deixe de conferir em nosso blogue o Calendário Nacional de Exibições! Serão realizadas sessões em todas as regiões do Brasil,
e já são 29 os cineclubes participantes.
Sigamos com o Plano B em Circuito!

Boa sessão a todos!

Workshop de Capacitação Cineclubista – Plano B em Circuito Nacional

Padrão

Imagem Convidamos os cineclubes do Distrito Federal inscritos no Circuito Nacional «Plano B» para participar do Workshop de Capacitação – Plano B em Circuito, a ser realizado no dia 05 de abril (sábado), de 09h ao 12h30, no Espaço CULT (215 sul). Realizaremos uma sessão exclusiva aos coordenadores dos cineclubes do DF inscritos no circuito.

Atividades do dia:

– Exibição do curta Brasília – Contradições de Uma Cidade Nova, de Joaquim Pedro de Andrade (curta que inspirou a realização de PLANO B)

– Exibição do documentário PLANO B, de Getsemane Silva

– Debate com o diretor do filme

– Entrega do material para os cineclubistas presentes para as respectivas exibições

Será uma oportunidade especial de reencontro dos cineclubistas do DF, de debate sobre o filme com o diretor e de possíveis desdobramentos e parcerias. Na ocasião também serão entregues a todos os participantes uma cópia do filme e materiais de divulgação, como release de imprensa, caderno informativo PLANO B e cartazetes do filme.

É muito importante a participação dos cineclubes inscritos neste workshop. Confirme sua participação pelo e-mail planob.documentario@gmail.comPrecisamos da confirmação o quanto antes para que possamos providenciar o material e demais detalhes do evento.

Acreditamos na importância da mobilização conjunta como forma de valorizar o circuito cineclubista e o cinema brasileiro. Participem!

Nos vemos no dia 05 de abril!

SERVIÇO

Workshop de Capacitação – PLANO B em Circuito

Quando: 05/04/2014 (sábado)
Horário: 09h ao 12h30
Onde: Espaço CULT (CLS 215  Bloco B, loja 03, 1º andar – Asa Sul – Brasília)
Informações no site: https://docplanob.wordpress.com/
E-mail: planob.documentario@gmail.com

Circuito Nacional de Estreias

Nota
10

Cena de “Plano B”: trabalhadores assistem o curta censurado

O aniversário de Brasília está chegando: no dia 21 de abril de 2014 a capital do Brasil comemora 54 anos de idade. A importância e o impacto da criação da nova capital do país será contemplada com a estreia nacional do documentário brasiliense “Plano B”, dirigido por Getsemane Silva e co-dirigido por Santiago Dellape, com produção da Olho de Gato Filmes e Machado Filmes.

Através de uma rede nacional de cineclubes o documentário será exibido entre os dias 21 de abril e 05 de maio de 2014, de forma a contemplar os 27 estados brasileiros e, claro, o Distrito Federal. A expectativa de público nesta rede alternativa de exibição é de 2.800 espectadores. A construção de uma parceria com a cadeia cineclubista nacional visa atingir localidades dentro e fora dos grandes centros urbanos, incluir parcelas da população que não contam com salas de cinema convencionais, e assim democratizar o acesso à produção cinematográfica brasileira contemporânea. Além disso, o caráter participativo dos cineclubes amplia o potencial de discussão e reflexão do documentário, ao qual o filme se propõe.

capa

Abertura do curta proibido que inspirou a realização de “Plano B”

O filme investiga a censura ao curta-metragem intitulado “Brasília – Contradições de uma Cidade Nova”, um documentário de 1967 que fora encomendada pela empresa Olivetti, e que, ao ser lançado, causou grande comoção por escancarar a situação de pobreza e precariedade das cidades-satélites. Diante disso, a própria empresa patrocinadora do filme decidiu impedir sua circulação, e o curta sobreviveu a este impedimento graças a uma cópia que o diretor, Joaquim Pedro de Andrade (“Macunaíma”), conseguiu esconder.

O filme foi restaurado 40 anos após essa única sessão, e mesmo após décadas de censura, continua bastante atual. Em “Plano B”, a equipe vai atrás dos realizadores, roteiristas e produtores de “Brasília – Contradições de uma Cidade Nova”, para descobrir como se deu o processo de produção e de censura do curta que escancarou as contradições da nascente capital.
Em breve, publicaremos mais notícias sobre esta ação nacional de difusão cinematográfica, com o calendário de exibições nacional.
Confira abaixo o trailer do longa-metragem documentário “Plano B”!

O filme proibido. A cidade interrompida.